MERCADO

6/6/2020  11:05:13

 

Plataforma busca garantir agilidade a negócios imobiliários

Por: da Redação

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Por conta, cada vez mais de praticidade - desde a escolha de um filme, até a descomplicação das famigeradas operações bancárias, via aplicativos fintechs - as pessoas têm explorado a tecnologia. Ainda assim, segundo Eduardo Menegatti, fundador de uma plataforma imobiliária online, a experiência de compra e venda do imóvel continua sendo desafio enorme por conta das mais diversas burocracias que envolvem o negócio.

 

De olho nesse mercado, Menegatti fundou uma proptech, que atua com a promessa de eficiência e segurança em transações de imóveis a corretores, imobiliárias e aos proprietários.

 

De acordo com o empresário, proptech é um termo usado para definir startups que oferecem produtos em novos modelos de negócios baseados em tecnologia para o mercado imobiliário.

 

Menegatti acredita que a plataforma “empodera corretores e as imobiliárias”, para que eles possam focar no seu objetivo principal e deixar de se preocupar com toda a parte burocrática. Isso, ainda na sua avaliação, permite que tanto o proprietário quanto o corretor atuem apenas na atividade comercial e na experiência de seus clientes.

“Esta ferramenta é o futuro do atendimento comercial, que é focar na experiência do cliente e não meramente na revenda do produto. O acesso ao produto é cada vez maior para o cliente final, e o grande desafio para quem trabalha na área comercial é tratar da experiência do cliente”, disse Menegatti. Para isso, ele acredita que o suporte operacional e jurídico para lidar com a burocracia é necessário e nem sempre o know-how está dentro da imobiliária. “É justamente isso que fornecemos aos corretores”, contou.

A plataforma da Vivalisto fornece as condições do imóvel negociado por meio de um aplicativo, dentro de um sistema e, a partir disso, tudo roda automaticamente, para agilizar o processo.

Todos os serviços

O fundador da startup Vivalisto, opera a plataforma online, Menegatti explicou que “ao tentarmos adquirir um imóvel, o corretor nos apresenta a oportunidade e faz a negociação, mas para finalizar a operação somos nós que precisamos correr atrás de financiamento e de toda a documentação. Diante disto, é necessário contratar um advogado ou, no melhor dos cenários, pedir auxílio a algum conhecido”.

Ainda conforme Menegatti, “com esta ferramenta damos poder à imobiliária. Toda a análise jurídica dos documentos fica por nossa conta. Somos um braço de ajuda para a imobiliária e para seus clientes. Não atuamos querendo empurrar a venda, priorizamos a segurança jurídica sobre o negócio a ser realizado”, ressaltou.

Outro inconveniente relacionado à compra de imóveis, de acordo com o empreendedor, deixa de existir, uma vez que não haverá a necessidade de ir ao banco solicitar um empréstimo, um crédito imobiliário e sair de lá com um monte de outras coisas.

“Nós cuidamos de todos os serviços agregados a transação, para que você não precise sair dali, cuidamos de tudo num só local. Fazemos toda a análise, toda ação junto aos cartórios, toda a parte de transferência de contrato, a parte jurídica completa, e também o crédito imobiliário”, concluiu.

Arquivo

Proptech é um termo usado para definir startups que oferecem produtos em novos modelos de negócios baseados em tecnologia para o mercado imobiliário

Banner_França_-_145x240.jpg

Anuncie | Conheça a Folha do Condomínio | Fale Conosco | Cadastre-se
© Copyright 2009. Folha do Condomínio. Todos os direitos reservados
Artigos assinados não refletem necessariamente a opinião da Folha do Condomínio OnLine